Buscar
  • cliniemma

PSICOPEDAGOGIA

Qual a sua importância?


A Psicopedagogia consiste em um campo de atuação que abrange a investigação e o estudo dos padrões de aprendizagem, sejam eles normais ou disfuncionais, levando em consideração a pessoa e sua relação com o meio em que vive. Nesse sentido, a família, a escola, a sociedade e a cultura são importantes e influenciam diretamente os processos de aprendizagem. A Psicopedagogia auxilia no modo como as pessoas compreendem a si mesmas e o mundo à sua volta tem um espectro relevante na aprendizagem, pois esta ocorre não apenas em função do aparato cerebral mas também psíquico. A proposta da Psicopedagogia é contribuir para que a aprendizagem seja a melhor possível para cada pessoa, de acordo com suas potencialidades e, para isso, utiliza recursos de diagnósticos e prevenção.

Paulo Freire certa vez afirmou que "Não é no silêncio que os homens se fazem, mas na palavra, no trabalho, na ação-reflexão" A proposta da Psicopedagogia é a atuação pertinente aos problemas de aprendizagem e adaptação às formas de aprender para que se possam superar dificuldades e realizar conquistas que são individualmente valiosas Lidar com pessoas é um desafio diário de autoconhecimento, relacionamento e busca de superação. Atualmente temos uma certeza constante: é preciso aprender a aprender. Isto significa que devemos nos dedicar ao novo, às formas distintas de ampliar nosso conhecimento.

Em qualquer que seja a idade, a aprendizagem devem ser valorizada, pois faz parte da nossa jornada continuar a aprender para uma constante adaptação. Se o mundo muda, precisamos mudar com ele. É uma questão de sobrevivência, já dizia Charles Darwin : "Na história da humanidade ( e dos animais também) aqueles que aprenderam a colaborar e improvisar foram os que prevaleceram". Dessa forma, a mudança é necessária para alcançar novas etapas da vida.

E, assim, é necessário que se compreendam as teorias acerca da aprendizagem e da Psicopedagogia. As facilidades e dificuldades do processo de aprendizagem podem ter muitas influências, com estímulos oferecidos pelo meio incluindo a família, a escola, as amizades e os locais que um indivíduo frequenta, as questões psicológicas e os aspectos cognitivos- afetivos e, até mesmo, biológicos. Ocorre que aprender pode se tornar mais prazeroso e significativo com a utilização de estratégias diferenciadas baseadas na ludicidade, na interação com os docentes e com a família, visando despertar o interesse, associar na condição de aprendiz.

Na sala de aula ou nas organizações, a apreciação e aquisição do saber são espaços privilegiados que vão além da simples reprodução ou memorização de fatos, pois busca-se promover o desejo de produzir conhecimento, de criar o que se aprende, de participar de trocas afetivas, que facilitam o crescimento pessoal.

Todos aprendem de alguma forma: alguns mais facilmente, outros por vias extraordinárias, mas todos os indivíduos merecem a chance de um olhar atento e cuidadoso que propicie estímulos singulares para o desenvolvimento, e isto é papel do psicopedagogo.

Por ( Ana Cristina Azevedo)

12 visualizações
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Ícone

© 2019 por Cliniemma. Criado orgulhosamente com Loop Interativo